O cérebro e as artes

"Senta-te e contempla."

IMG_0339.jpg

A

experiência consiste em breves 5 minutos diante de uma ilustração, onde a pessoa será convidada a responder a seguinte pergunta: O que você vê?

O diferencial está no uso, durante esses 5 minutos, de um eletroencefalograma, que fará uma medição das variações de estado mental da pessoa, tendo como resultado um gráfico que exibe essas variações.

 

Medidor de Serenidade é a instalação de estreia de Sidan Orafa como Artista Plástico, trazendo da experiência off-line do desenho feito à mão à experiência digital, por meio de um eletroencefalograma, possibilitando através dessa união entre arte e tecnologia, um contato mais concreto e inteligível com esse mundo tão abstrato que é o mundo dos domínios da mente humana.

 

Sobre a ilustração: A ilustração Despertar é uma criação sobre as Temporalidades e os Espaços que habitam em nossos vários níveis de consciência. Concebida em um contexto bastante singular (durante uma experiencia de expansão de consciência), a obra talvez seja menos uma criação do artista e mais o registro de uma Miração. Miração é uma expressão utilizada pelos povos indígenas para descrever as visões e insights provenientes de estados de expansão de consciência. 

 

Sobre o eletroencefalograma: é um dispositivo portátil para captura de ondas cerebrais. Através de 4 eletrodos, que conseguem medir 5 diferentes faixas de frequência cerebral: alfa, beta, gama, theta e delta, é possível converter esses dados em biofeedback, ou seja, em uma resposta da própria mente da pessoa num determinado intervalo de tempo.

 

Sobre o artista: Sidan Orafa é facilitador gráfico, produtor audiovisual, nômade e pesquisador do funcionamento da mente humana. Atualmente, busca unir a expressão artística com o mundo digital através do estudo de estados mentais com o intuito de difundir práticas de bem-estar e reflexão através da arte. 

 

“Nada está parado; tudo se move; tudo vibra.”

— O Caibalion

Gostou do que viu?

Siga meu trabalho no Instagram